Tag Archives: Economia

Aulas Economia Grupo Odivelas

Aulas Economia Grupo Odivelas

Explicações Economia  Odivelas

Economia 10º/11º anos – Explicações Odivelas

 

Happy Hour, Segunda e Sexta-feira das 9:00 -10:30

ÚLTIMAS INSCRIÇÕES!

Aulas Economia Grupo Odivelas

Aulas Economia Grupo Odivelas

Explicações Economia  11º ano Low Cost

Local:  Rua Vieira da Silva, lote 11, loja b, Quinta Nova, 2675-209 Odivelas

Aulas em grupo:

Duração: 12h = 2 sessões de 1h30m cada

Dias: Segunda e Sexta-feira das 9:00 -10:30

Valor mensal: 90€ + IVA

Grupos até 4 alunos

Oferta de inscrição até 15 de Novembro!

Reserve já a sua inscrição

 

Explicações Economia Secundário – Odivelas

Aulas Matemática Quinta Nova

Apoio Escolar Quinta Nova

Explicações de Ensino Secundário Odivelas

Happy Hour, Segunda a Sexta de manhã

Desconto de 20%, agora aulas individuais desde 11,20€ + IVA /hora

 

 

Explicações low Cost em Odivelas

Professores muito experientes e credenciados com bons resultados

Centro de Explicações kids.com tem uma super promoção One Plus One, dois amigos = desconto 50% para cada.

Preparação para testes e exames.

Reserve já a sua inscrição, vagas limitadas

Contato: 91 818 70 95, 21 931 23 97 email: info@kids.com.pt

visite-nos em: www.explicacoesodivelas.pt

Preparação para Exames

Preparação para Exames

Preparação para Exames

Preparação para Exames

O Centro de Estudos Kids.com dispõe de uma equipa vasta e multidisciplinar de professores que permite abranger várias áreas: Explicações do Ensino Básico ao Superior, Sala de Estudo, Cursos de Línguas, Cursos de Informática.

Preparação para Exames:

  • 4º ano
  • 6º ano
  • 9º Ano
  • 12º Ano
  • Acesso ao Ensino Superior
  • Acesso ao Ensino Superior (Maiores de 23 Anos)

Estamos abertos todo o ano de Segunda a Sábado, inclusive durante o período de férias escolares.

Estamos agora em mais locais para estarmos mais próximos de si: Odivelas, Loures, Pontinha, Ramada,Colinas do Cruzeiro, Frielas, Santo António dos Cavaleiros, Santo António dos Cavaleiros,Póvoa Sto Adrião, Caneças e Casal de Cambra… Também temos aulas ao domicílio, Concelhos de Loures, Odivelas, Amadora e Lisboa.

Preparação Exames Odivelas – Low Cost

Preparação para o Exame Nacional de Economia

Promoção exclusiva para Matemática, Economia e Geografia

Quanto mais cedo melhor:

  • 08:00-11:00 – 20% de desconto
  • 11:00-13:00 – 15% de desconto
  • 14:00-16:00 – 10% de desconto

Não perca esta super promoção e faça já a sua preparação para os exames.

.Estão a chegar os exames “Maiores de 23”! Está preparado?

  • Aulas individualizadas – aulas personalizadas
  • Professores experientes – Preparação para Testes e Exames
  • Resolução de exames de anos anteriores
  • Apoio Multimédia / Biblioteca Escolar

.Até 31 de Maio oferta da inscrição

Preparação para testes ou frequências (individual ou em grupo).

Explicações até 12º Ano: Matemática; Física; Geologia; Métodos Quantitativos; Química; Geometria Descritiva; Português; Inglês; Francês; História e Geografia de Portugal; Estatística; Economia; Contabilidade; MACs; Filosofia; Psicologia; Sociologia; Geologia, entre outras. Explicações ao Ensino Superior: Álgebra; Análise Infinitesimal; Análise Matemática; Calculo; Calculo Infinitesimal; Calculo Numérico; Equações diferenciais; Matemática discreta; Estatística; Física; Físico-Química; Química Analítica; Química orgânica; Bioquímica; Calculo financeiro; entre outras.

O comércio – noção e tipos

O comércio – noção e tipos

O comércio - noção e tipos

O comércio – noção e tipos

A distribuição é a atividade que é a ligação entre a produção e o consumo. Abrange um conjunto de operações que fazem deslocar os produtos desde a fase inicial da sua produção até às mãos do comprador.

A distribuição inclui o transporte e o comércio, são duas atividades complementares que aumentam a utilidade dos bens na medida em que os disponibilizam de forma prática aos seus compradores,

O comércio é a atividade intermediária de troca que facilita a tarefa de os produtores escoarem os seus produtos e permitindo que os consumidores tenham acesso aos bens que desejam.

Os intermediários dos circuitos de distribuição podem ser grossistas (ou armazenistas) ou retalhistas.

Os grossistas ou armazenistas são os comerciantes que compram grandes quantidades de bens, que são armazenados para posteriormente serem revendidos em quantidades menores.

Os retalhistas são os comerciantes que adquirem aos grossistas produtos que se destinam a ser vendidos aos consumidores em quantidades fracionáveis.

Existem 3 canais habituais de distribuição:

Circuito ultracurto ou direto: caracteriza-se por estabelecer uma ligação direta entre o produtor e o consumidor final, eliminando-se qualquer intermediário no processo de distribuição.

Circuito curto: caracteriza-se por ser o produtor a assumir o papel de grossista  (ou armazenista), vendendo os seus produtos, que por sua vez, os comercializa ao consumidor final.

Circuito longo: é o circuito clássico no qual o produtor vende os seus bens ao grossita que os revende ao retalhista que é quem finalmente comercializa os bens ao consumidor final.

 

 

A Taxa de inflação

A Taxa de inflação

A Taxa de inflação

A Taxa de inflação

A taxa de inflação é um indicador que mede, em termos percentuais, a variação dos preços entre dois momentos de tempo,  calcula-se a partir do IPC ou do IHPC.

Taxa de inflação do ano X = IPC(ano 2) – IPC (ano 1) / IPC (ano 1) X100

A taxa de inflação de um determinado ano resulta do rácio entre a diferença dos IPC desse ano e do anterior e o IC deste último, rácio esse que depois é multiplicado por 100.

Diferentes taxas de inflação

inflação homóloga: mede a variação dos preços entre o mesmo mês de dois anos consecutivos, por exemplo, entre Fevereiro de 2004 e Fevereiro de 2005.

inflação média: mede a variação dos preços ao longo dos 12 meses de um ano e do ano seguinte ( é calculada com base em várias observações estatísticas)

inflação mensal, mede a variação dos preços entre dois meses consecutivos.

 

Consumo público e consumo privado

Consumo público e consumo privado

Consumo público e consumo privado

Consumo público e consumo privado

O consumo público é o que é realizado pelas administrações públicas, genericamente designadas por Estado.

O consumo privado é o que é realizado pelas famílias.

A análise da parte respetiva destes dois tipos de consumo constitui um índice muito significativo do papel desempenha pelo Estado numa economia.

 

População inativa

População inativa

População inativa

População inativa

A população inativa é constituída por todos os indivíduos com idades inferiores a 16 anos, todos os reformados e todos os que, tendo idade superior a 16 anos e não estejam reformados, não possuam capacidade para o exercício de uma atividade remunerada: deficientes, inválidos, estudantes com mais de 16 anos e donas de casa,

A idade a partir da qual se pode entrar no mercado do trabalho e a idade máxima para um trabalhador se reformar variam de país para país, estando relacionadas com o grau de desenvolvimento de cada país.

 

O que é a produtividade?

O que é a produtividade?

O que é a produtividade?

O que é a produtividade?

A produtividade indica a eficácia com a qual estamos a utilizar os diversos fatores de produção.

A produtividade mostra-nos a relação entre uma certa quantidade de produto e a quantidade de um ou mais fatores afetados à sua produção. A produtividade permite, conhecer o valor da produção por unidade de recurso utilizada.

Desta forma a produtividade mede-se pela quantidade produzida ou o seu valor em função da quantidade ou valor dos fatores utlizados.

Podemos falar em produtividade do trabalho, de uma máquina ou de uma superfície de terra.

A produtividade é um indicar muito importante para podermos analisar a saúde de uma economia.

Cálculo da produtividade

Produtividade média do trabalho = Quantidade de produto obtido / quantidade do fator trabalho utilizado (horas de trabalho ou nº de trabalhadores)

ou  (valor do produto obtido / valor do trabalho empregue)

Produtividade média do capital = quantidade de produto obtido / quantidade de capital técnico utilizado

ou

valor do produto obtido / valor do capital técnico utilizado

Quando estabelecemos a relação entre o valor total da produção e o valor total dos recursos para a obter, temos a produtividade total.

Quando se calcula a produtividade, sempre que se passa a usar mais uma unidade do fator trabalho ou do fator capital, obtemos a produtividade marginal.

 

Bens inferiores e Bens superiores

Bens inferiores e Bens superiores

Bens inferiores: aqueles cujo consumo diminui com o aumento do rendimento. Exemplo: pão, margarina, óleo, salsichas, refeições enlatadas.

bens inferiores

bens inferiores

Bens superiores: consideram-se  os bens para as quais um aumento do rendimento determina um aumento mais do que proporcional do consumo. Exemplo: lazer e saúde.

Bens superiores

Bens superiores

Balança de Transferências unilaterais

Balança de Transferências unilaterais

Balança de Transferências unilaterais

Balança de Transferências unilaterais

Na Balança de Transferências Unilaterais são registados as entradas e saídas de valores sem contrapartidas reais associadas como sejam os subsídios comunitários recebidos, as doações obtidas e concedidas e as remessas dos emigrantes obtidas e concedidas.